Escrituração contábil: quais suas vantagens e importância?

Escrituração contábil: quais suas vantagens e importância?

A escrituração contábil, que também é conhecida como escrituração mercantil, comercial, tributária ou mesmo fiscal, pode ser vista como a técnica de registrar os dados financeiros de uma empresa em livros, que somente podem ser gerenciados por profissionais capacitados na área contábil.

Trata-se do registro cronológico e específico da natureza de todos os fatos que ocorrem em uma organização. No geral, é o escritório de contabilidade ou o contador que ficam responsáveis por esse registro.

Esse é um procedimento sério e estruturado que é regido por normas que constam no Código Civil, na Legislação Tributária, nas Normas Brasileiras de Contabilidade e em leis. Por esse motivo, somente um contador pode ficar responsável por esses registros.

De maneira geral, todas as empresas, independentemente de seu porte ou natureza jurídica, precisam manter uma escrituração contábil completa, por meio da qual seja possível controlar o patrimônio e realizar o gerenciamento adequado dos negócios.

No entanto, nem todos conseguem compreender a importância de manter uma escrituração contábil. Pensando nisso, no post de hoje, apresentaremos algumas das principais vantagens em realizar esse tipo de registro, além de destacar alguns de seus benefícios. Confira!

A escrituração contábil serve como mecanismo de proteção para a empresa

O processo de escrituração contábil é fundamental em uma empresa, pois ele é realizado por meio de técnicas de gestão tributária, mantendo todos os registros de gastos, dos lucros e dos bens pertencentes ao empreendimento ao longo dos anos.

Dessa maneira, ele irá servir também como um instrumento de defesa, de prevenção e de controle de patrimônio pois, com esses registros devidamente realizados, será possível, por parte da empresa, comprovar receitas e gastos, principalmente quando se trata de processos financeiros.

Assim, será possível obter auxílio e realizar as explicações necessárias a respeito dos gastos da empresa, fazendo com que ocorra um gerenciamento mais transparente e evitando problemas financeiros ou jurídicos no futuro.

A escrituração contábil possibilita um melhor controle financeiro

Um dos maiores benefícios do procedimento de escrituração é a possibilidade de se ter um  controle financeiro e econômico preciso de seu negócio. Afinal, com essa prática, todos os registros anteriores podem servir como dados para análise, informando também o estágio financeiro em que a empresa se encontra.

Assim, o empreendedor terá, com esse processo, uma  perspectiva mais ampla a respeito do crescimento e desenvolvimento da empresa, percebendo se há necessidade para futuras modificações.

No longo prazo, esses dados concretos e confiáveis podem possuir grande valor, principalmente para auxiliar na tomada de decisões. 

A obrigatoriedade da escrituração contábil

Além de ser um processo que poderá trazer grandes benefícios para a empresa, é importante ressaltar que, de acordo com o artigo nº 1.179 da lei nº 10.406/2002, prevista no Novo Código Civil Brasileiro, o empresário e a sociedade empresária são obrigados a seguirem um sistema de contabilidade (mecanizado ou não) com base na escrituração uniforme de seus livros, em correspondência com a documentação respectiva.

Além disso, há também a obrigatoriedade de levantar anualmente o balanço patrimonial e o de resultado econômico da empresa.

Métodos de escrituração contábil

De maneira geral, existem dois métodos para realizar a escrituração. Eles são classificados como métodos de partida simples e método de partida dobrada. Conheça cada um deles:

Método de partida simples

Neste método, os eventos devem ser registrados em controles externos à contabilidade. Ele é nomeado assim pois em uma transação é considerado apenas o débito ou o crédito ocorrido. Esse é o método considerado menos completo e eficiente na informação dos dados contábeis.

Método de partida dobrada

Esse método possui uma regra fundamental: para cada débito existe um crédito correspondente. O importante nesse método é que a soma dos débitos seja igual à soma dos créditos. Esse princípio determina a equação dos demonstrativos contábeis.

Dessa maneira, passa a ser interessante levar em consideração que a realização da escrituração contábil deve ocorrer por meio de um profissional ou empresa terceirizada qualificada, tendo em vista a importância e obrigatoriedade desses registos.

Assim, a empresa estará se protegendo e se preparando para lidar com diversas situações, obtendo dados significativos e, principalmente, atuando dentro da legislação vigente, evitando problemas no longo prazo.

E na sua empresa, como anda a escrituração contábil? Compartilhe conosco suas dúvidas e experiências nos comentários e até a próxima!

Fale com nosso especialista!

Veja Também:

Como Chegar

Clique para acessar o mapa

205 Sul, Av. LO 05, Lote 30-A
Palmas/Tocantins
77015-260
atendimento@primecont.net
63 3216-1284

Ver no Mapa