Prime Contabilidade

Principais linhas de crédito para ajudar pequenas empresas

Principais linhas de crédito para ajudar pequenas empresas

Todo empreendedor — seja ele de primeira viagem ou não — sabe muito bem da importância de obter uma linha de crédito para sua empresa.

Além disso, o crédito possibilita ao empreendedor uma maior competitividade no mercado, auxiliando na manutenção dos gastos e trazendo um poder maior de investimento.

Porém, os empreendedores são as “meninas dos olhos” de todo crediário. Por isso, é de suma importância que você analise bem as ofertas — relendo principalmente as cláusulas nas entrelinhas.

Para explicar ao empreendedor quais as principais linhas de crédito disponíveis no mercado, a Prime Contabilidade preparou mais um material completo de informações para você não correr o risco de assinar um crédito desvantajoso para sua empresa.

Vamos lá!

Linha de crédito: qual se adequa melhor a sua empresa

Antes de escolher a linha de crédito ideal para o seu negócio, é importante que você faça uma análise sobre sua empresa primeiro.

Isto é, verificar o quão necessário é este crédito, se realmente vale a pena, qual a finalidade você pretende dar ao mesmo e qual valor mínimo você deseja.

Acontece que muitas empresas de crédito necessitam que o empresário diga os motivos pelos quais precisa daquele dinheiro: seja para pagar seus funcionários, contas, investimentos escusos e afins.

Contudo, há diversas outras que não exigem esta destinação específica. Mas, mesmo assim, é muito importante que você faça uma análise minuciosa sobre a real intenção por trás desta linha de crédito desejada.

Conforme for o seu desejo, há diversas linhas de crédito disponíveis. Vamos analisar qual delas se adequa melhor às necessidades da sua empresa:

Capital de giro

Aqui está um dos principais motivos que levam os empresários a procurar por uma linha de crédito específica.

Toda empresa precisa de um capital de giro, isso é inegável. Porém, a cautela aqui deve ser maior. Nem todas as linhas de crédito são adequadas à esta necessidade.

Estas linhas de créditos disponibilizadas por alguns bancos, oferecem ao empresário prazos variáveis de acordo com o setor de sua empresa. Os prazos ficam entre 24 e 60 meses, com juros entre 0,8 e 1,59% ao mês — sempre de acordo com o perfil do empreendedor.

Empréstimo sem finalidade específica

Estas modalidades de crédito são bem mais vantajosas ao empresário do que as demais. Suas taxas de juros são menores, o prazo de pagamento é mais extenso — tornando as parcela bem menores.

A outra vantagem bem perceptiva é que o crédito fica livre de destinação final. Você pode redirecionar este dinheiro às diversas áreas da sua empresa, realizando diversas obrigações ao mesmo tempo, como: pagamento de funcionários, investimentos, etc.

Porém, para obter esse crédito vantajoso e flexível, você precisa conceder alguma garantia à empresa crediária.

Se a sua ideia for oferecer um imóvel como garantia, há linhas de crédito oferecidas por alguns bancos especialistas em crédito imobiliário, oferecendo muita flexibilidade aos empresários neste tipo de operação.

As taxas de juros iniciam em 0,99% mensais com até 180 meses para pagar. Claro, você também pode oferecer outros bens como garantia, um automóvel, por exemplo.

Porém, é fundamental que você compare os valores oferecidos entre todos os bancos para este tipo de garantia em específico, bem como as taxas de juro e de contratação.

Microcrédito

O microcrédito é a melhor chance de MEI’s (Microempreendedores individuais) adquirirem crédito às suas devidas empresas.

A modalidade de contratação é rápida, os juros são mais baixos e o prazo para o pagamento é um pouco mais curto. Vale lembrar que o microcrédito é destinado aos trabalhadores informais também.

Porém, o crédito aprovado deve obrigatoriamente ser aplicado na sua empresa. Diversos bancos oferecem essa modalidade de crédito, porém é de suma importância que você sempre faça uma análise deste mercado junto ao seu contador de confiança.

Algumas instituições financeiras oferecem linhas de microcrédito com a máxima de juros de 4% ao mês.

As condições da contratação destinam-se sempre ao financiamento de capital de giro ou de investimentos produtivos fixos, como obras civis, compra de máquinas e equipamentos novos, bem como as compras de insumos e materiais.

PRONAMPE: Programa Nacional de Apoio às Microempresas de Pequeno Porte

O Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (PRONAMPE) é um programa do governo federal destinado ao desenvolvimento das microempresas e empresas de pequeno porte, instituído pela Lei nº 13.999, de 18 de maio de 2020.

Com este período de crise por causa da COVID-19, nada melhor que aproveitar os benefícios deste programa, utilizando seus recursos para investir na sua empresa.

Veja quais as principais características do Programa:

  • 1. O Programa é destinado às microempresas, empresas de Pequeno Porte, que trata a Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006.
  • 2. As operações de crédito poderão ser utilizadas para investimentos e capital de giro isolado ou associado ao investimento.

Isso significa que as micro e pequenas empresas poderão usar os recursos obtidos para realizar investimentos (adquirir máquinas e equipamentos, realizar reformas) e/ou para despesas operacionais (salário dos funcionários, pagamento de contas como água, luz, aluguel, compra de matérias primas, mercadorias, entre outras).

  • 3. O prazo máximo de pagamento das operações contratadas no âmbito do PRONAMPE é de 36 meses.
  • 4. As instituições financeiras que aderirem ao PRONAMPE poderão requerer a garantia do Fundo Garantidor de Operação – FGO, regido pela lei 12.087 de 2009 e administrado pelo Banco do Brasil, em até 100% (cem por cento) do valor da operação.

Quais são as instituições financeiras operadoras?

  • Banco do Brasil S.A;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Banco do Nordeste do Brasil S.A;
  • Banco da Amazônia S.A;
  • Bancos estaduais e as agências de fomento estaduais;
  • Cooperativas de crédito e os bancos cooperados;
  • Instituições integrantes do sistema de pagamentos brasileiro;
  • Plataformas tecnológicas de serviços financeiros (fintechs);
  • Organizações da sociedade civil de interesse público de crédito;
  • Demais instituições financeiras públicas e privadas autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Fique atento e verifique se a instituição financeira com a qual mantém relacionamento bancário já aderiu ao PRONAMPE e já está oferecendo linha de crédito nas condições do Programa.

Fonte: Portal do Empreendedor

Agora que você já sabe quais as principais linhas de crédito para ajudar as pequenas empresas e qual delas se adequa melhor à sua situação, que tal investir em uma assessoria contábil para lhe auxiliar na tomada destas decisões?

A Prime Contabilidade oferece este serviço, bem como uma análise e interpretação de todos os fatos que envolvem a rotina de trabalho da sua empresa diariamente.

Elaboramos todos os demonstrativos contábeis para ajudar o seu negócio a manter o crescimento de forma sustentável.

Para solicitar uma proposta personalizada para a sua empresa, ou mesmo tirar alguma dúvida sobre a sua empresa, basta clicar no botão abaixo e falar diretamente com nosso especialista!

Tem dúvidas sobre contabilidade?

Prime Contabilidade

63 3028-3477

205 Sul, Av. LO 05, Lote 30-A, Palmas - Tocantins